Eduardo Galvão. Museu Paraense Emílio Goeldi / Arquivo / Fundo Adélia Rodrigues.

1968 - Estudos Sócio-Culturais na Amazônia

Eduardo Galvão e Oracy Nogueira organizaram o Centro de Estudos Sócio-Culturais da Amazônia (CESCA), que estabeleceu um marco na história da pesquisa em Ciências Humanas no Museu Goeldi.
Tradicionalmente voltados para a Etnologia e a Arqueologia, os estudos antropológicos ampliaram os horizontes, alcançando as áreas rurais e urbanas como cenário de pesquisa. Desde então, pescadores, agricultores e migrantes, além de populações indígenas, passaram a ser objetos das preocupações científicas do Museu. Galvão e Nogueira desenvolveram estudos e formaram recursos humanos para pesquisa social, ampliando o núcleo do atual departamento de Ciências Humanas.