Entrada do Campus de Pesquisa, na Av. Perimetral (fotografia de Janduari Simões).

1978 - Campus de Pesquisa

Na década de 1970, a limitação do espaço do Parque Zoobotânico, no centro de Belém, impedia o crescimento do Museu Goeldi. Esse foi o principal motivo para a aquisição de um campus de pesquisa, durante a administração de Luís Miguel Scaff no Museu e de Warwick Kerr no INPA. Numa área de 10ha, adquirida em 1978, na periferia da cidade seriam construídos, ao longo dos anos, os departamentos de pesquisa, biblioteca e administração. A transferência ainda não está completa, mas o Campus de Pesquisa já é o local principal da realização dos experimentos científicos e da guarda das coleções do Museu. O Parque Zoobotânico permanece como uma mostra viva da natureza amazônica e ponto de referência para o programa de educação científica do Museu Goeldi.