Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ciência, Educação e Mobilização pelo Meio Ambiente
conteúdo

Agência de Notícias

Ciência, Educação e Mobilização pelo Meio Ambiente

Na Semana do Meio Ambiente, o Museu Goeldi tem visitação gratuita, exposições, educação ambiental e seminário para planejar arborização de áreas de Belém
publicado: 06/06/2017 17h15, última modificação: 05/02/2018 16h38
Exibir carrossel de imagens Acervo Museu Goeldi Na imagem, garoto integrante do Clube do Pesquisador Mirim observa com uma lupa um exemplar de preguiça taxidermizado

Na imagem, garoto integrante do Clube do Pesquisador Mirim observa com uma lupa um exemplar de preguiça taxidermizado

Agência Museu Goeldi – Você tem um bom motivo para sair de casa. Nesta quarta-feira (7), o Museu Paraense Emílio Goeldi terá entrada gratuita para seu Parque Zoobotânico como parte da programação da Semana do Meio Ambiente. Será mais uma oportunidade de vivenciar a natureza, conferir os prédios históricos e as exposições da instituição de pesquisa mais antiga da Amazônia. Os visitantes poderão, ainda, se divertir com os kits do Clube do Pesquisador Mirim, conhecer plantas ameaçadas de extinção, fazer sua inscrição na colônia de férias do Museu e também planejar como trazer verde e beleza para os canais da cidade de Belém. Saiba os detalhes!

Estudo da fauna amazônica pelo Clube do Pesquisador MirimGratuidade – A quarta-feira especial no Museu conta com a participação da turma de 2016 do Clube do Pesquisador Mirim. Os estudantes apresentarão os resultados de seus trabalhos, que incluem manuais, jogos, cartilhas e aplicativos. A mostra será na Biblioteca Clara Galvão, no Parque Zoobotânico, e se repete no domingo no mesmo local (11).

Outra atração do dia será a realização da "Trilha Vermelha", atividade conduzida pelo Serviço de Educação, que apresenta espécies ameaçadas de extinção. As árvores são marcadas com grandes faixas vermelhas e acompanhadas de banners informativos que alertam para a importância de sua conservação. A “Trilha Vermelha” também pode ser agendada de quarta à sexta-feira pelo e-mail nuvop@museu-goeldi.br.

Expedição – Fique de olho no prazo: nesta quarta-feira também iniciam as inscrições para a 3ª Expedição de Férias do Museu Goeldi. O evento educativo e lúdico acontece no Parque Zoobotânico e está voltado para crianças de seis a 11 anos. Este ano, a Expedição de Férias acontecerá ao longo de quatro dias na primeira semana de julho. Os interessados poderão realizar inscrição mediante o pagamento da taxa de participação de cem reais e apresentação de uma foto 3x4 da criança, RG ou certidão de nascimento da mesma, além de RG do responsável e um comprovante de residência.

A castanheira é uma das espécies vista na trilha vermelhaExposições – Aberto das 9 às 15h, o pavilhão da Rocinha do Museu Goeldi apresenta três exposições:  "Salão 150" - em comemoração aos 150 anos do Museu Goeldi; "Origens: Amazônia Cultivada" e "Transformações: a Amazônia e o Antropoceno". As duas últimas são mostras interativas de resultados de pesquisas desenvolvidas pelo Museu Goeldi e seus parceiros em áreas como arqueologia, ecologia, botânica e linguística.

Seminário – Já nos dias 8 e 9 de junho, a programação acontece no Campus de Pesquisa do Museu Goeldi, com o Seminário “Arborizar e ajardinar os canais de Belém: proposições, ações e desafios”. O evento, envolvendo instituições, pesquisadores, gestores, educadores e lideranças comunitárias, irá discutir com o poder público e movimentos sociais ações de educação ambiental com a meta de ajardinar os canais de Belém. Durante o evento haverá mesas redondas, palestras e relatos de experiência sobre a criação de espaços verdes comunitários. O primeiro foco para ação dos organizadores será o Canal do Tucunduba, que será tema de um concurso de ajardinamento.

A programação do evento também inclui três oficinas: “Maquete no Canal do Tucunduba”, ministrada por Carlota Brito e Alba Lins (Museu Goeldi); “Educação Ambiental na Terra-Firme”; ministrada por Edielci Pimentel e Suellen Furtado (Museu Goeldi); e “Compostagem”, ministrada por Silvio Levy (Embrapa Amazônia Oriental).As inscrições para o seminário podem ser feitas pelo e-mail seedu.eventos@museu-goeldi.br ou presencialmente no Campus de Pesquisa do Museu Goeldi. Haverá emissão de certificados de participação.

Parque Zoobotânico do Museu Goeldi é opção de contato com meio ambiente em BelémA realização de “Arborizar e ajardinar os canais de Belém: proposições, ações e desafios” conta com a parceria da Prefeitura de Belém, da Embrapa Amazônia Oriental, da entidade  AmeTucunduba e do Ponto de Memória da Terra-Firme. Também estarão presentes representantes das Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas; de Meio Ambiente e Sustentabilidade, e de Educação.

UEPA - No dia 8 de junho, o Museu Goeldi participa do IV Encontro do Grupo de Educação Ambiental da Universidade do Estado do Pará (UEPA), com o projeto Mostra Circulação de Saberes Arqueológicos como Práticas Educativas. Serão expostos kits e jogos educativos sobre arqueologia, com mediação para alunos e professores da UEPA.

A programação do Goeldi começou no sábado, dia 3 de junho, com a presença do Programa Natureza no Parque do Utinga. O Macaco Ximbica e seus amigos levaram teatro e atividades ambientais ao público do espaço, em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará.

A Semana do Meio Ambiente é a forma do Museu Emílio Goeldi chamar atenção para o Dia Mundial do Meio Ambiente no dia 5 de junho. A data foi estabelecida em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, em Estocolmo. Na agenda figuram os problemas ambientais e a finitude dos recursos naturais.

 

Texto: Uriel Pinho

 

Serviço: Semana do Meio Ambiente no Museu Goeldi

07/06 (quarta-feira) – 09h às 17h

ENTRADA GRATUITA no Parque Zoobotânico.

Local: Parque Zoobotânico do Museu Goeldi(Avenida Magalhães Barata, 376, São Braz)

07/06 (quarta-feira) – 09h às 12h

EXPOSIÇÃO de Kits produzidos nos anos de 2015/2016 pelas turmas do Clube do Pesquisador Mirim com rodas de conversa com ex-alunos e mediação realizada pelos pesquisadores mirins.

MOSTRA do Clube do Pesquisador Mirim, com jogos, kits educativos e mediação dos pesquisadores. Escolas também podem visitar a mostra por agendamento, de quarta a sexta-feira. Agendamento pelo e-mail nuvop@museu-goeldi.br

TRILHA VERMELHA. Recurso pedagógico que sinaliza no PZB as arvores em extinção e chama atenção para a importância de sua conservação. Escolas também podem realizar a trilha com agendamento, de quarta a sexta-feira, pelo e-mail nuvop@museu-goeldi.br

LANÇAMENTO da Expedição de Férias. Os interessados poderão realizar inscrição presencialmente, mediante o pagamento de taxa de participação de R$100,00 e apresentação de uma foto 3x4 da criança, RG ou certidão de nascimento da mesma, além de RG do responsável e comprovante de residência.

Local: Parque Zoobotânico do Museu Goeldi (Avenida Magalhães Barata, 376, São Braz)

08/06 (quinta-feira) e 09/06 (sexta-feira) – 8h às 17h

SEMINÁRIO “Arborizar e Ajardinar os Canais de Belém: Proposições, Ações e Desafios”. Inscrições gratuitas pelo e-mail seedu.eventos@museu-goeldi.brou presencialmente no Campus de Pesquisa do Museu Goeldi. Haverá emissão de certificados. Instituições parceiras: SEDUC, Prefeitura de Belém, Ponto de Memória da Terra Firme, AmeTucunduba e Embrapa Amazônia Oriental.

Local: Campus de Pesquisa do Museu Goeldi (Av. Perimetral, 1901, Terra Firme)

08/06 (quinta-feira) – 9h às 17h

MOSTRA Circulação de Saberes Arqueológicos como Práticas Educativas, no IV Encontro do Grupo de Educação Ambiental da Universidade do Estado do Pará (UEPA).

Local: Centro de Ciências Sociais e Educação da UEPA (Tv. Djalma Dutra, 156 – Telégrafo)

11/06 (domingo) – 9h às 12h

EXPOSIÇÃO de Kits produzidos nos anos de 2015/2016 pelas turmas do Clube do Pesquisador Mirim com rodas de conversa com ex-alunos e mediação realizada pelos pesquisadores mirins no parque com a presença do Programa Natureza.

Local: Parque Zoobotânico do Museu Goeldi (Avenida Magalhães Barata, 376, São Braz)