Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Museu Goeldi abre vagas para bolsas de iniciação em ciência, tecnologia e inovação
conteúdo

Agência de Notícias

Museu Goeldi abre vagas para bolsas de iniciação em ciência, tecnologia e inovação

São mais de 70 bolsas entre os programas PIBIC e PIBITI, destinadas a estudantes das mais diversas áreas do conhecimento. Inscrições vão até agosto de 2016
publicado: 02/08/2016 16h00, última modificação: 16/02/2018 17h45

Agência Museu Goeldi – A Coordenação de Pesquisa e Pós-Graduação do Museu Paraense Emílio Goeldi (CPPG/MPEG) anuncia, no início de agosto, dois novos editais voltados para bolsas em ciência, tecnologia e inovação. São as chamadas 2016/2017 para o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC/CNPq) e para o Programa Institucional de Bolsas em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI/CNPq). As inscrições estão abertas para orientadores e bolsistas. Acesse os editais do PIBIC e PIBIT.

O objetivo dos Programas é despertar vocações científicas e a criatividade do jovem universitário para a pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação.

No total, serão 72 bolsas de pesquisa disponíveis para estudantes em nível de graduação e regularmente matriculados no sistema superior. O período de vigência vai de setembro de 2016 a julho de 2017 e o valor de cada bolsa é de R$ 400 mensais. Saiba abaixo os requisitos básicos para se inscrever nos Programas PIBIC e PIBITI no Museu Goeldi.

Iniciação Científica – O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC/CNPq) da instituição amazônica abre esse ano 70 vagas para graduandos em qualquer curso público ou privado do país.

Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico – O Programa PIBITI/CNPq oferece duas bolsas para o Museu Goeldi no período 2016/2017.

Os candidatos a bolsista PIBIC e PIBITI não podem ter vínculo empregatício, além de se dedicar às atividades acadêmicas e de pesquisa em tempo integral. O formulário do candidato a bolsa (veja aqui), comprovante de matrícula e currículo lattes atualizado são obrigatórios no ato da inscrição.

Para se candidatar a orientador dos Programas PIBIC e PIBITI do Museu Goeldi, é necessário ser pesquisador ou tecnologista vinculado a instituição e ter produção científica ou tecnológica recente divulgada em meios de comunicação especializados. Baixe aqui o formulário para candidato a orientador dos Programas.

As inscrições para as vagas de orientadores e bolsistas devem ser encaminhadas para o e-mail bolsas@museu-goeldi.br até o dia 26 de agosto de 2016, para o edital PIBIC/CNPq, e até o dia 22 de agosto de 2016 para o edital PIBITI/CNPq. Os resultados das duas seleções serão divulgados até o próximo dia 1º de setembro.

Texto: João Cunha