Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Pesquisas do Museu Goeldi compõem Anuário do Pará 2014/2015
conteúdo

Agência de Notícias

Pesquisas do Museu Goeldi compõem Anuário do Pará 2014/2015

A publicação conta com dois capítulos produzidos por pesquisadores do Museu Goeldi, que inclui informações sobre a fauna e a flora local
publicado: 22/01/2015 12h15, última modificação: 09/02/2018 12h40

Agência Museu Goeldi – Nesta terça-feira (20) aconteceu o lançamento do Anuário do Pará 2014/2015, publicação editada pelo jornal impresso Diário do Pará. A edição deste ano conta com um capítulo sobre diversidade da fauna e flora do Pará, desenvolvido com base em estudos recentes do Museu Paraense Emilio Goeldi (MPEG).

Em suas 29 páginas, o capítulo apresenta números atuais das espécies conhecidas da fauna paraense, com informações sobre as que estão sob ameaça. Entre os vertebrados, as classes de mamíferos voadores, mamíferos não voadores, aves, répteis, anfíbios e peixes. Já entre os invertebrados aparecem aranhas, insetos, crustáceos, vespas sociais e borboletas.

A respeito da flora, o capítulo traz dados sobre a diversidade de árvores da região amazônica, detalhando informações das espécies do estado do Pará, o uso econômico destas árvores, além das espécies ameaçadas de extinção. A pesquisa também inclui um mapa da localização dos sítios estudados no Pará e informações sobre a ocorrência das espécies nestes locais.

Na parte da fauna, a produção está a cargo dos pesquisadores Ulisses Galatti, Suely Marques e Gilberto Aguiar, José de Sousa e Silva Jr, Renata Emin-Lima, Angelo Dourado, Cleuton Miranda, Alexandre Aleixo, Teresa Cristina Ávila-Pires, Ana Prudente, Marinus Hoogmoed, Alexandre Bonaldo, Manoel Aguiar Neto, Orlando Tobias, Ana Harada, William Overal, Fernando Carvalho Filho e Cleverson Ranieri. Já a parte que aborda a flora, é assinada por Dário Amaral, Ima Vieira, Rafael Salomão e Hans Steege.

Censo da biodiversidade – Os dados publicados no Anuário do Pará 2014/2015 tem por base o Censo da Biodiversidade, ferramenta elaborada pelo Museu Goeldi para acompanhar e reunir a evolução do conhecimento da biodiversidade amazônica obtida por diferentes iniciativas, disponibilizando estes números para a sociedade. O recurso inclui o status de conservação das espécies, que é feito com base na Lista de Espécies Ameaçadas da União internacional para Conservação da Natureza, e das listas nacional e estadual do IBAMA e da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará (SEMA/PA), respectivamente.

Anuário do Pará – A publicação, que existe desde 2010, faz parte da iniciativa “Orgulho de Ser do Pará” do Grupo RBA, que aborda a cultura do estado por meio de diferentes ações. A quinta edição, que já está nas bancas, conta com 800 páginas distribuídas em 10 capítulos. Traz informações sobre o estado, apresentando um resumo do cenário político, econômico, social e cultural do Pará, com novas informações que são atualizadas a cada ano.

Texto: Brunella Velloso